terça-feira, 22 de maio de 2012

Porque meu coração dispara quando tem o seu cheiro dentro de um livro


adriana calcanhotto | vambora

Depois de um tempo, a gente entende que não
há distância para aqueles que se amam,
contrariando o que dizem a quilometragem, a
diferença de fuso, o tanto de afastamento dos
olhos. Porque o olhar que importa é o olhar que
ama, é o olhar que sente, é o olhar que
abençoa, e esse olha de qualquer lugar.

Ana Jácomo
(daqui)

2 comentários:

Cila disse...

Entre por esta porta agora...e diga... ai ai
Puxa, Adriana Calcanhoto é tudo de bom. "Cheiro dentro de um livro" é poesia escandalosamente ao ouvido...

Bem, vamos dizer assim Vanessa, tudo o que é grande demais só pode ser visto melhor em toda a sua totalidade, de longe...

Um carinhoso abraço :)

Cila disse...

Entre por esta porta agora...e diga... ai ai
Puxa, Adriana Calcanhoto é tudo de bom. "Cheiro dentro de um livro" é poesia escandalosamente ao ouvido...

Bem, vamos dizer assim Vanessa, tudo o que é grande demais só pode ser visto melhor em toda a sua totalidade, de longe...

Um carinhoso abraço :)