segunda-feira, 12 de setembro de 2011

Desrazões



king creosote & jon hopkins | bubble

De tentar ver por todos os lados eu fico tonta
e com o coração a milhas não devia falar

Helga Moreira

2 comentários:

josé luís disse...

... mas a escrita tem esse poder, de nos dessensibilizar, como se a cada letra uma emoção se atenuasse, a cada palavra no papel algo em nós morresse um pouco (embora nascesse na frase terminada).

{ainda bem que não fechou este mural ;)}

paula disse...

:) que bom, mesmo que com o coração a milhas.
bj*